Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo almoco harmonizacao

Casa de Santar / Paço dos Cunhas - A beleza das vinhas e vinhos portugueses

Chegamos ao Dão!  Adoro os vinhos daqui, pra mim, um dos melhores portugueses. Estão lembrados da Ana Paula Teixeira que nos recepcionou na Quinta do Encontro, na Bairrada ? Ela novamente aparece em Santar com aquele abraço e uma recepção pra lá de calorosa!    Como eu disse anteriormente, a Global Wines é uma empresa composta por várias vinícolas e que abrange regiões dos Vinhos Verdes, Douro, Alentejo, Lisboa, Bairrada, Dão e Vale do São Francisco (Brasil). Dão: a Borgonha Portuguesa Mas antes de contar como foi essa visitação especial, algumas informações sobre esta região: foi a primeira Região Demarcada de vinhos não licorosos no país, em 1908, está localizada na província de Beira Alta, centro de Portugal e é conhecida como a Borgonha Portuguesa.   "As vinhas situam-se entre os 400 e os 700 metros de altitude, em planaltos de solos xistosos e graníticos de pouca profundidade, onde abundam os pinhais, produzindo vinhos encorpados com elevada capacidade de envelhec

Quinta da Foz - A beleza das vinhas e vinhos portugueses

Passeio de barco pelo Rio Douro Chegamos à Quinta da Foz. Antes de conhecer a adega, degustar os vinhos e termos o nosso almoço harmonizado, fomos dar aquela voltinha de barco pelo Rio Douro.    Saímos da Quinta, atravessamos a linha de trem e embarcamos. Realmente é difícil dizer qual é a paisagem mais bonita: de dentro do Rio ou fora dele.    Durante o percurso, o guia explica sobre a história do Rio e das Quintas. Céu azul, dia lindo, sol .... quem não fez esse passeio de barco, faça!   Patrimônio cultural "Na Quinta da Foz, os visitantes têm oportunidade de conhecer as instalações do moderno centro de vinificação e todo o patrimônio histórico relacionado com a produção de vinho do Porto e vinhos DOC. Todos os visitantes têm prova de vinhos de DOC e vinho do Porto no final da visita." * Simplicidade chique com vista para o Rio Douro Aqui degustei um porto branco, meio seco, que foi de tirar o chapéu. Na minha opinião, para o meu paladar,

Quinta do Encontro - A beleza das vinhas e vinhos portugueses

Um super Encontro! E a nossa viagem enoturística continua. Entre Fátima e Douro paramos pra visitar a Quinta do Encontro.    Localizada na Bairrada, em Anadia, esta quinta foi inaugurada em 2007 com um projeto arquitetônico que lembra uma barrica em madeira.    É um espaço maravilhoso voltado ao enoturismo, com refeições harmonizadas e completamente adaptado para receber todo e qualquer tipo de evento (para até 220 pessoas).   Sobre a Bairrada Seu clima é suave e temperado por causa da proximidade com o oceano atlântico, que se estende desde Beira Litoral, entre Águeda e Coimbra, até às dunas do litoral.    Foi uma das primeiras regiões de Portugal a experimentar a produção de espumantes e, justamente por causa desse terroir todo, não só deu super certo como também o espumante é o preferido e queridinho da região.    Aliás, a Bairrada é produtora de vinhos desde o século X, porém só no século XIX que essa produção tornou os espumantes, brancos e tintos em vinhos de qu

Pastelaria Gomes - Vila Real

As deliciosas descobertas de Vila Real Oi meu povo, chegando com as news da "Terrinha", mais precisamente Vila Real. Para situar vocês sobre a cidade a qual me localizo, algumas informações básicas obtidas pelo Wikipedia: "Vila Real (por vezes dita Vila Real de Trás-os-Montes ) é uma cidade portuguesa e capital do Distrito de Vila Real, situada na Região Norte e sub-região do Douro e na antiga província de Trás-os-Montes e Alto Douro, com cerca de 30 000 habitantes no seu perímetro urbano (2012) . É capital da província tradicional de Trás-os-Montes e Alto Douro. É sede de um município com 378,80 km² de área e 51 850 habitantes (2011), subdividido desde a reorganização administrativa de 2012/2013 em 20 freguesias. O município é limitado a norte pelos municípios de Ribeira de Pena e de Vila Pouca de Aguiar, a leste por Sabrosa, a sul pelo Peso da Régua, a sudoeste por Santa Marta de Penaguião, a oeste por Amarante e a noroeste por Mondim de Basto.  Cre