Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo noite

Le Jardin - Jantar Harmonizado - Noite Argentina

Flyer Le Jardin Noite argentina com tudo o que se tem direito! Olá, meus queridos, tudo bem?  Desta vez venho pra falar sobre uma degustação de vinhos com jantar harmonizado que foi top! A Noite Argentina aconteceu no Le Jardin Bistrô, em Vargem Grande Paulista, interior de São Paulo, com a  presença do Enólogo e Sommelier Eduardo Amorim (Vinícola Guaspari). A degustação aconteceu antes do jantar. Workshop A palestra foi apresentada de forma descontraída entre a gastronomia - como parrilla, empanada, alfajor, medialuna e churros; tango - como Carlos Gardel e Astor Piazzola; Futebol - como Maradona; estatísticas - como produção, consumo, exportação de vinho; terroir - como altitude, clima, solo; mapas e regiões vitivinícolas; e a degustação dos quatro vinhos fazendo uma análise visual, olfativa e gustativa de forma divertida, didática, espontânea e, o principal, "enoafetiva" pra que até os menos entendidos no assunto pudessem começar a apreciar o vinho de forma dif

Gastronomia x Mestrado x Comunicação x Jornalismo Gastronômico

Sede por conhecimento Olá meus queridos ... Essa coisa de amar cozinhar, receber as pessoas em casa, escrever sobre os restaurantes, adorar as artes, fazer curso de sommelier, tentar decifrar aromas e sabores, harmonizar vinhos e comidas e se identificar muito com o ensino, mesmo que ainda seja o Fundamental II, me impulsionam a seguir a carreira acadêmica, afunilando os estudos para buscar o meu aprimoramento profissional, pessoal e melhorar a qualidade de vida. Ano passado encontrei o curso de Jornalismo Gastronômico na Faap, mas infelizmente não pude cursar porque não teve quórum suficiente de alunos matriculados e realmente fiquei muito triste. Estava tão empolgada em poder voltar à faculdade que me formei, em poder realizar outro curso que eu queria muito em uma faculdade top, que até hoje não consigo acreditar: como um curso que no RJ já é pós graduação e que em SP ninguém sabe que existe porque não tem divulgação!? E quando damos uma busca na internet, os primeiros

2º FESTIVAL MORANA - VINHOS FINOS E CERVEJAS ARTESANAIS

O maior evento de vinhos finos e cervejas artesanais de Cotia Olá pessoal! A vida corrida não permitiu mais que eu parasse pra sentar e escrever sobre as aventuras gastronômicas, porém agora estamos chegando com uma novidade saindo do forno e essa vocês não podem perder (save the date: 06/08/2016): O maior evento de vinhos finos e cervejas artesanais de Cotia está recheado de atrações e produtos que aguçarão seus cinco sentidos! Após o sucesso da 1ª edição, o 2º Festival Morana apresentará mais de 200 rótulos para degustação entre vinhos e cervejas, contando com a presença dos principais produtores e importadoras do ramo, além  de atrações como Música, Espaço Zen, Food Trucks, Brassagem de cerveja artesanal e Wine Lab. Para os apreciadores de cerveja, a brassagem será aberta ao público e irá demonstrar o passo a passo da produção de cerveja artesanal. Para os curiosos e enófilos de plantão, o Wine Lab será conduzido pelo Instituto Federal São Paulo (IFSP – Cam

PUNTA DEL ESTE: El Chancho y La Coneja

Restaurante super acolhedor e comida boa!!! Eu não poderia deixar de mencionar os restaurantes que visitamos em Punta. Foram 4 dias somente, mas os restaurantes que passamos simplesmente foram de deixar vontade de quero mais. Nosso 1º jantar foi num restaurante meio natureba, na linha dos produtos integrais, e o clima nos remete a uma sensação "casa da árvore": pequeno, acolhedor e "quentinho"!!! Eu lhes apresento El Chancho y La Coneja: Uma alimentação saudável feita em forno de barro. Massa integral: tacos, calzones, empanadas galegas, massas caseiras gratinadas que borbulham em travessas de barro e que imploram por pão de sementes, uma colher de sopa de queijo parmesão ralado fresco e vinho da casa no pinguim!    Menu para todos os gostos, incluindo o veggies... Se o plano for vegetariano: desde milanesa de soja capresse até tacos com seitan ou abóboras recheadas. Se você quiser carne, 350 gramas de steak com molho de mostarda Dijon e cebolinha, entr

Dolce Villa

Uma Villa acolhedora! Comecei a frequentar o Dolce Villa no inverno somente para comer a sopa de queijo no pão italiano. Mas se você pensa que é só isso que vai comer, está muito enganado porque ao ler aquele cardápio, é quase possível sentir o gosto de cada item na boca. Dali a pouco você começa a ver os pedidos das outras mesas chegando, aquele aroma no ar quase te matando de curiosidade e então você decide comer tudo: couvert, entrada, prato principal e sobremesa. Os comes: O couvert: baguetes de farinha de trigo normal e integral com gergelim, torradinhas, patê agridoce e outro mais apimentado, ricota com ervas, cebola, manteiga. Depois de abrir o apetite com esse couvert, pedi uma salada deliciosa, mix de folhas verdes, com queijo de cabra e peras. Nossa, explosão de sabor! A sopa de queijo no pão italiano é algo inenarrável. O mais legal é que depois de tomar a sopa, se ainda tiver um espaço no seu estômago, você cortar o pão italiano, que estará molha

Koí Zan - Culinária Japonesa

Que coisa, esse Koí Zan!!! Nossa ida ao Koí Zan, na Granja Viana, foi justamente porque nossas lombrigas por um rodízio japonês estavam aguçadíssimas. Esse rodízio deles é individual. Então ao invés de chegar uma barca com muitos sushis e sashimis, rolls e etc, proporcional ao numero de pessoas à mesa, no Koí Zan cada pessoa recebe porçõezinhas e querendo repetir, é só pedir. Talvez seja pra evitar o desperdício ... será? Já fomos em vários e muito melhores restaurantes japoneses, na Granja ou em São Paulo. De tanto que falaram desse restaurante, esperávamos muito mais.  A sobremesa que salvou a noite! O que salvou o nosso jantar e a nossa noite: Sobremesa Banana Crocante - que é banana coberta com corn flakes empanada e servida com sorvete de creme. Comemos porque estávamos com fome, mas não saímos de lá com satisfação gostosa e sim, com a sensação de barriga cheia. E diga-se de passagem: a pior de todas! Quebrando o Feitiço: Atendimento: péssimo, sem nota

L'Entrecôte d'Olivier - Olivier Anquier

Uma única salada, um único prato de carne e com rodízio de batata frita! Fomos jantar no restaurante do Olivier Anquier, no Itaim - SP, comemorar o aniversário de uma grande amiga nossa. Para nossa surpresa, descobrimos que o restaurante só servia um único prato: o entrecôte, e vc escolhe o ponto da carne. Grata surpresa!! Enquanto você espera a sua carne chegar, eles servem um couvert com manteiga e pães quentinhos e crocantes, que são repostos o tempo todo. Em seguida, uma salada de entrada com mix de folhas, nozes e molho de mostarda dijon. Simplesmente divina!! Bom, quando as carnes chegaram eu pensei: vamos provar o motivo de fazer esse restaurante ser um sucesso!    Eu gosto de carne ao ponto e ela veio fatiada com um molho, dos Deuses - de acordo com Olivier o segredo da Tia Nicolle está trancado à 7 chaves - e batatas fritas crocantes por fora e molinhas por dentro!!    A batata frita é servida o tempo todo, como se fosse um rodízio e você come o quanto quiser